Ciências Biológicas

Introdução

O curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Faculdade Montes Belos iniciou suas atividades em 05/02/2016. Desde então confirmou seu compromisso satisfatório com a qualidade do ensino. Todas as exigências e padrões de qualidades estabelecidos pelo MEC são atendidos como estrutura, qualidade de ensino, corpo docente qualificado e alunos bem preparados para o mercado de trabalho.

Sobre o curso

 Objetivo Geral

Formar educadores éticos e críticos habilitados a lecionar as disciplinas de Ciências e Biologia na educação básica, de forma contextualizada à realidade na qual estão inseridos e comprometidos com a construção de valores e atitudes que visem à sustentabilidade ambiental, elaborar e executar estudos, projetos e/ou pesquisa científica nos vários setores da Biologia ou a ela ligadas, bem como nos que relacionarem com a preservação, saneamento e melhoria do meio ambiente, executando direta ou indiretamente atividades resultantes desses trabalhos. O curso objetiva, também, dotar o profissional da capacidade de realizar perícias, emitir e assinar laudos técnicos e pareceres.

Visa, ainda, capacitar o aluno a exercer atividades didático-pedagógicas nos respectivos níveis de competência junto a comunidade como um todo.

 Objetivos Específicos

Para que o objetivo geral seja atingido, foram delineados os seguintes objetivos específicos para o curso:

  • Atuar solidária e efetivamente para o desenvolvimento integral da pessoa humana e da sociedade por meio da geração e compreensão do saber, comprometida com a qualidade e com valores éticos e solidários;
  • Estabelecer vínculos entre o programa de formação de professores das licenciaturas da FMB e instituições de Educação Básica, órgãos gestores do sistema Estadual e Municipal de ensino;
  • Formar professores das séries finais do ensino fundamental e do ensino médio na área de Ciências Biológicas para atender as demandas da região;
  • Desenvolver e enfatizar atividades práticas e vivências educacionais nos vários ambientes da educação, participando do planejamento, elaboração e implementação de atividades de ensino;
  • Proporcionar a reflexão sobre a prática pedagógica do ensino fundamental e médio, mediante o aprofundamento teórico e contextualizado dos conteúdos;
  • Oferecer, ao longo do processo de formação, vivências que contribuam para a articulação entre o conhecimento adquirido e a prática profissional;
  • Promover uma sólida formação teórico-prática e profissional nos campos da educação e das ciências da natureza de forma integrada e contextualizada;
  • Oportunizar a ressignificação e a construção do processo avaliativo em situações de ensino e aprendizagem de maneira contínua e diagnóstica;
  • Compreender o papel da ciência no contexto social, sob os aspectos da sustentabilidade, da ética e da cidadania;
  • Promover a apropriação de novas tecnologias na educação científica, de modo que os futuros professores possuam uma compreensão dos processos de produção e uso destas tecnologias, reconhecendo seu potencial e suas limitações;
  • Oportunizar instrumentais teóricos e conceituais que capacitem os alunos a planejar e desenvolver projetos de pesquisa e extensão na área de ensino de Ciências Biológicas;
  • Promover o desenvolvimento de pesquisas em educação no ensino de Ciências Biológicas, aliando a compreensão do mundo natural e das relações sociais;
  • Elaborar e implementar configurações curriculares que tenham como ponto de partida elementos da comunidade regional;
  • Potencializar a inserção institucional na comunidade regional, visando o desenvolvimento educativo, socioambiental, cultural e econômico.

Perfil Profissional do Egresso

O perfil dos egressos deste Curso deverá refletir a sua formação inovadora, interdisciplinar e de qualidade, fornecendo aos acadêmicos, através das diretrizes metodológicas, instrumentos para que desenvolvam com eficiência e competência, a sua aprendizagem, preparando-os para as responsabilidades e funções que terão de assumir no processo de tomada de decisão, na pesquisa, na intervenção profissional e acadêmica e na atuação na Educação. Almeja-se que o licenciado em Ciências Biológicas seja um biólogo:

  • Generalista, crítico, ético, e cidadão com espírito de solidariedade;
  • Detentor de adequada fundamentação teórica, como base para uma ação competente, que inclua o conhecimento profundo da diversidade dos seres vivos, bem como sua organização e funcionamento em diferentes níveis, suas relações filogenéticas e evolutivas, suas respectivas distribuições e relações com o meio em que vivem;
  • Consciente da necessidade de atuar com qualidade e responsabilidade em prol da conservação e manejo da biodiversidade, políticas de saúde, meio ambiente, biotecnologia, bioprospecção, biossegurança, na gestão ambiental, tanto nos aspectos técnicos-científicos, quanto na formulação de políticas, e de se tornar agente transformador da realidade presente, na busca de melhoria da qualidade de vida;
  • Comprometido com os resultados de sua atuação, pautando sua conduta profissional por critério humanísticos, compromisso com a cidadania e rigor científico, bem como por referenciais éticos legais;
  • Consciente de sua responsabilidade como educador, nos vários contextos de atuação profissional;
  • Apto a atuar multi e interdisciplinarmente, adaptável à dinâmica do mercado de trabalho e às situações de mudança contínua do mesmo;
  • Preparado para desenvolver idéias inovadoras e ações estratégicas, capazes de ampliar e aperfeiçoar sua área de atuação.

Habilidade e Competências

A formação pedagógica oferecida pelo curso, além de suas especificidades, proporcionará aos formandos uma visão geral da educação e dos processos formativos dos educandos, assim como enfatizará a instrumentação para o ensino de Ciências ao nível fundamental e para o ensino da Biologia, em nível médio. Assim, o licenciado em Ciências Biológicas estará apto a atuar, principalmente, na área de docência de Ciências e Biologia no ensino fundamental e médio, incluindo a educação de jovens e adultos.

Aliado ao desenvolvimento dessas habilidades e competências, o curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Faculdade Montes Belos – FMB capacitará os seus formandos a:

  1. a) pautar-se por princípios da ética democrática, responsabilidade social e ambiental, dignidade humana, direito à vida, justiça, respeito mútuo, participação, responsabilidade, diálogo e solidariedade;
  2. b) reconhecer formas de discriminação racial, social, de gênero, etc. que se fundem inclusive em alegados pressupostos biológicos, posicionando-se diante delas de forma crítica, com respaldo em pressupostos epistemológicos coerentes e na bibliografia de referência;
  3. c) atuar em pesquisa básica e aplicada nas diferentes áreas das Ciências Biológicas, comprometendo-se com a divulgação dos resultados das pesquisas em veículos adequados para ampliar a difusão do conhecimento;
  4. d) portar-se como educador consciente de seu papel na formação de cidadãos, inclusive na perspectiva sócio-ambiental;
  5. e) utilizar o conhecimento sobre organização, gestão e financiamento da pesquisa e sobre a legislação e políticas públicas referentes à área;
  6. f) entender o processo histórico de produção do conhecimento das Ciências Biológicas referente a conceitos, princípios e teorias;
  7. g) estabelecer relações entre ciência, tecnologia e sociedade;
  8. h) aplicar a metodologia científica para o planejamento, gerenciamento e execução de processos e técnicas, visando o desenvolvimento de projetos em diferentes contextos;
  9. i) utilizar os conhecimentos das Ciências Biológicas para compreender e transformar o contexto sócio-político e as relações nas quais está inserida a prática profissional, conhecendo a legislação pertinente;
  10. j) desenvolver ações estratégicas capazes de ampliar e aperfeiçoar as formas de atuação profissional, preparando-se para a inserção no mercado de trabalho em contínua transformação;
  11. k) orientar escolhas e decisões em valores e pressupostos metodológicos alinhados com a democracia, com o respeito à diversidade étnica e cultural, às culturas autóctones e à biodiversidade;
  12. l) atuar multi e interdisciplinarmente, interagindo com diferentes especialidades e diversos profissionais, de modo a se preparar para uma contínua mudança no mundo produtivo;
  13. m) avaliar o impacto potencial ou real de novos conhecimentos, tecnologias ou serviços e produtos resultantes da atividade profissional, considerando os aspectos éticos, sociais e epistemológicos;
  14. n) e por fim, comprometer-se com o desenvolvimento profissional constante, assumindo uma postura de flexibilidade e disponibilidade para mudanças contínuas, esclarecido quanto às opções sindicais e corporativas inerentes ao exercício profissional.

Atribuições no Mercado de Trabalho

De acordo com a RESOLUÇÃO Nº 227, DE 18 DE AGOSTO DE 2010, Art. 1º O Biólogo regularmente registrado nos Conselhos Regionais de Biologia – CRBios, é legalmente habilitado para o exercício profissional, de acordo com o art. 2º da Lei nº 6.684/79 e art. 3º do Decreto nº 88.438/83, poderá atuar nas áreas:

I – Meio Ambiente e Biodiversidade

II – Saúde

III – Biotecnologia e Produção

Parágrafo único. O exercício das atividades profissionais/técnicas vinculadas às diferentes áreas de atuação fica condicionado ao currículo efetivamente realizado ou à pós-graduação lato sensu ou stricto sensu na área ou à experiência profissional na área de no mínimo 360 horas comprovada pelo Acervo Técnico.

Além de atuar nas áreas profissionais/técnicas, o licenciado também está apto para atuar na docência de Ciências e Biologia no ensino fundamental, médio e superior.